Maternidade Darcy Vargas chega aos 69 anos e ganha abraço comunitário

Passos apressados … lágrimas … sorrisos … choro de bebê … é a vida que inicia na nossa casa, berço de Joinville há 69 anos, cada vez mas assistida e acolhida transformando-se em uma verdadeira história de amor.

Nesta casa a qual denominamos Maternidade Darcy Vargas o milagre da vida ocorre a todo momento, espetáculo impar no qual a família é protagonista, somos os personagens dessa linda história, cada qual com seu papel que requer formatação, competência, paciência, altruísmo, dedicação e paixão.

É como em toda história de amor … as dificuldades, os obstáculos surgem, mas quando o amor é verdadeiro tudo pode … enfrenta, espera, resgata, soluciona e é com esse amor que ao longo desses anos nos tornamos mais fortes, cuidadosos e grandiosos.

A juventude traz o entusiasmo, a coragem, os sonhos e a maturidade trazem a sabedoria, experiência, responsabilidade… e é assim que fizemos, fazemos e faremos esta história dar certo.

Feliz Aniversário MDV

Texto Marilin da Silva

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Maternidade Darcy Vargas chega aos 69 anos e ganha abraço comunitário

Funcionários, amigos e voluntários reuniram-se para contornar o prédio. Ação ocorreu na tarde deste sábado, 16 de abril, em evento com apresentação de coral e doações.

Abraço, definitivamente, é ação que não falta dentro da Maternidade Darcy Vargas. Na tarde deste sábado, no entanto, a ação foi realizada do lado de fora, de forma simbólica, para celebrar os 69 anos da instituição pública. Um grupo de funcionários, voluntários, pacientes e amigos da maternidade se reuniu do lado de fora do prédio, na zona Sul de Joinville, para um abraço comunitário.

O evento contou também com a apresentação do coral Art Jovem, da Igreja Adventista do Sétimo Dia e com um a entrega de um grande presente para a Darcy Vargas: a doação de 1700 kits que serão dados às próximas crianças que nascerem lá. Dentro deles, produtos de higiene como shampoo, condicionador, hidratante e pomada para assadura, além de um livrinho.

— Ela representa R$ 50 mil em doação e deve durar cerca de três meses — afirma Aniel Gonçalves, diretor do coral e gerente da empresa paulista que patrocinou a doação.

Atualmente, a maternidade realiza 500 partos por mês, em média. Segundo Ana Watanabe, integrante de dois grupos de voluntários que atuam na instituição, a vontade é de que este tipo de doação passe a existir com mais frequência. Apesar de não haver restrição à quem irá receber os kits presenteados, fica muito claro quem será mais impactado por eles.

— Há mães que são atendidas aqui e que a gente sabe que tem dificuldade até para comprar sabonete — conta ela — Algumas vem de outras cidades e ficam sozinhas, por isso nosso trabalho é também levar carinho e atenção para elas.

O grupo de voluntárias da maternidade produz roupinhas de bebê que são oferecidas às famílias de baixa renda, mapeadas pela assistência social do hospital, e também as vende em bazar para arrecadar fundos que, depois, serão usados na manutenção do prédio.

A Maternidade Darcy Vargas foi inaugurada em 16 de abril de 1947 com a finalidade de prestar serviços obstétricos e neonatológicos para atender a população das regiões Norte e Nordeste de Santa Catarina. Em 1994, recebeu o prêmio de Hospital Amigo da Criança, conferido pela UNICEF; depois, em 1996, recebeu do Ministério da Saúde (MS) o título de Maternidade Segura. No ano de 1997 é reconhecida como Centro de Referência Docente-Assistencial da Saúde da Mulher. Em 2004 recebeu o 4ª Prêmio Professor Galba de Araújo, também concedido pelo MS. Hoje é referência em parto normal: sendo 63% deles e apenas 37% de cesáreas.

Fonte Jornal A Notícia

 

MDV niver

Foto: Cláudia Morriesen / Agencia RBS
Anúncios